domingo, 26 de janeiro de 2014

há mar

se um dia me procurarem
e eu não estiver nas velhas ruas
do Centro da cidade
nem no bairro
das minhas saudades
nem nas praias
nem nas gramas
nem no Museu de Belas-Artes,
não pensem que morri.
se um dia por aqui
já não me acharem mais,
me procurem,
ou imaginem.
estarei
em Minas Gerais.

Deborah O'Lins de Barros
Rio, 18/01/2014

2 comentários:

Louis Allen disse...


Olha, sempre fico boquiaberto com tuas palavras - mas só agora escolho descrevê-las, junto a "Otras cositas más" que nos permeiam.

eu só colocaria uma linha solitária:

estarei
-TALVEZ-
em Minas Gerais.

mas tirando meu EGO, pequeno eu, me dá Paixão o que Tu escreve, sempre; afinal, Tu escreve.

Gabriel Springer Pitanga disse...
Este comentário foi removido pelo autor.